22 de mar de 2007
Mudamos o endereço da Petição on line!
Ficamos muito felizes ao ver que muitas pessoas votaram no petition on line que foi criado para viabilizar as assinaturas daqueles que querem ajudar, mas que por ventura se encontram distantes.

Espantosamente, em pouco tempo, ultrapassamos as 400 assinaturas!! O nosso muito obrigado de coração para todos vocês que abraçaram a causa dos brasileirinhos conosco.

Mas... como nem tudo são flores e existem muitas pedras no caminho, o petition on line que estávamos divulgando estava nos causando dores de cabeça e será deletado.

Apesar do número de assinaturas e do empenho de muitos colaboradores que se doaram a esta causa junto conosco, infelizmente não estávamos tendo acesso à página em que constavam o nome das pessoas.

Após vários pedidos de ajuda ao suporte técnico e de nenhuma resposta para a solução do problema, resolvemos, com certo pesar, deletá-lo e começar do zero com uma petição on line nova.

A atual já está no ar, é fácil assinar e as assinaturas podem ser visualizadas por todos.

O endereço da nova petição é:
http://www.ipetitions.com/petition/brasileirinhos_apatridas/index.html

Agradecemos imensamente todas as pessoas que votaram e faço um pedido para que votem novamente, bem como divulguem essa nova petição para seus amigos, parentes, colegas e conhecidos do Japão e do Brasil, já que não é possível salvar as assinaturas que foram feitas anteriormente.

Esperamos recolher um número de assinaturas maior do que já havíamos recolhido na outra, por isso contamos com a ajuda e participação de todos.

Um grande abraço

Silvana Yang
·
posted by Apátridas no Japão at 21:40 | Nos link aqui |


1 Comments:


  • At sábado, março 24, 2007, Anonymous Wata.An

    Tive a experiência de poder morar fora do Brasil por duas oportunidades em ocasiões diferentes, antes de vir para o Japão. Naquelas ocasiões, como agora também, minha Bandeira Brasileira, em tamanho oficial, confeccionada pelo mesmo fabricante que fornece para o Governo, me acompanha. Tenho em minhas conversas com estrangeiros, sempre colocado o "Orgulho de ser Brasileiro", no entanto, tenho estado triste por ser um, já que coisas tão triste são feitas pelos nossos representantes que não respeitam a pátria que eles representam. Friamente, cheguei à conclusão de que deixaria meu filho/filha sem pátria, pois, neste caso, meu filho iria ter a chance de poder escolher a pátria que desejasse, uma vez que aos apátridos, a ONU garante conceder cidadania e passaporte para quem se enquadrar neste situação, em um país de sua escolha, desde que membro dela. E neste caso, deixaria o orgulho de "ser brasileiro", para dar uma pátria de verdade, para quem o Brasil não reconhece mais como Brasileiro, quem nasceu no exterior.