5 de mar de 2007
Sobre o programa de hoje na rádio
Nosso movimento está tomando corpo, aos poucos, com muita persistência, estamos conseguindo espaço para divulgar nosso objetivo.
Hoje a Carmen foi na rádio Nikkey, aqui de Toyohashi falar pela 1ª vez sobre a causa dos brasileirinhos na mídia. Para nossa surpresa e felicidade, várias pessoas, inclusive do Brasil e Estados Unidos ouviram!!
Já estamos com propostas de outras rádios via web para a divulgação da causa dos brasileirinhos, também estou tentando uma participação na televisão brasileira aqui no Japão para falarmos sobre o assunto.
Aos poucos estamos alcançando nosso objetivo de tornar público o assunto entre a comunidade aqui do Japão.
Sei que o caminho é longo, há muitas questões a serem esclarecidas e muitas barreiras para derrubar; mas somos teimosas!!!!
Eu, Carmen e outras amigas que já estão prestando solidariedade e colaboração não vamos desisitir!!
Somos mães, e como tal, o espírito de defesa e luta pelo bem estar e interesses de nossos filhos sempre falará mais alto do que o medo e a estagnação diante das dificuldades e barreiras.
E tu? Também gosta de uma luta? Também acha que as crianças filhas de brasileiros nascidas no exterior têm o direito a cidadania brasileira? Se concordas com alguma das perguntas acima, venha lutar conosco!!!
Estaremos à disposição para responder as dúvidas, ouvir as sugestões e principalmente, aceitar mais guerreiras para batalhar com a gente!
Contamos com vocês da comunidade brasileira no Japão, vamos nos unir!! Nunca se sabe quando precisaremos retornar à nossa Pátria não é mesmo?
Um abraço
Silvana Yang
·
posted by Apátridas no Japão at 22:47 | Nos link aqui |


2 Comments:


  • At terça-feira, março 06, 2007, Blogger Rosele

    Olá...bem fiquei intrigada e confesso que confusa...meus filhos nasceram aí no Japão, mas ao contrário do resto do mundo o Japão não reconhece como japonês, o flho de um estrangeiro nascido no Japão, sendo assim meus filhos são brasileiros, apenas nascidos aí no Japão, epnso que minha luta seria ao inverso, em fazer com que eles pudessem receber a cidadania japonesa, então não entendo como vocês dizem que eles precisam lutar para receber a cidadania brasileira? Então por fim o que eles são? Desculpem- me minha possível ignorância no assunto, mas realmente isso foi totalmente ao contrário de tudo que eu soube a respeito até hj....abraços ...

     
  • At terça-feira, março 06, 2007, Blogger Apátridas no Japão

    Olá Rosele, respondendo tuas dúvidas, não somente o Japão, mas vários países no mundo não têm o direito de nacionalização ao nascerem no país, não é a lei do solo que vale, como nos Estados Unidos, é a lei do Sangue, ficou claro?
    E se tu moras no Brasil, eles ainda são menores e vocês não pretendem mais voltar aqui, com certeza já transcreveu as certidões de nascimento deles.
    Mas, se por ventura, eles forem menores, tu ainda reside no Japão e não tem idéia de quando voltará ao Brasil, ao completarem 18 anos, seus filhos terão o passaporte retido pelo governo brasileiro e se tornarão expatriados, ou seja, sem pátria.
    A não ser que eles resolvam vir para o Brasil para morar, entrem na justiça federal com processo demorado e optarem para ter a cidadania brasileira, aí eles receberão o passaporte novamente.
    Por isso nossa luta. Por que fazer nossos filhos terem que entrar na justiça, gastar dinheiro, largar estudos, emprego, tudo no exterior e ter que ficar aproximadamente um ano no Brasil para obter a cidadania?
    Quanto a cidadania japonesa, antigamente existia a dupla nacionalidade, quando os filhos de japoneses nascidos no Brasil eram também registrados no consulado por seus pais. hoje em dia isso não existe mais, a única maneira de conseguir a cidadania japonesa é pelo processo de naturalização, em que é necessário abrir mão da nacionalidade nata em prol da japonesa.
    Espero ter solucionado sua dúvida, qqr coisa escreva!